Sementes que Emagrecem

O uso de sementes que emagrecem em sua alimentação

Em todo o mundo existem pessoas tentando melhorar a aparência e a forma do corpo, o que não parece ser tarefa fácil diante de tantas tentações, curioso é o facto de existirem imensas sementes que emagrecem, ou ajudam no processo de emagrecimento.

Para auxiliar existem alguns produtos naturais que podem sem problemas serem inseridos à dieta e consumidos em receitas ou em sua forma natural. Estes produtos são verdadeiras jóias que além de ajudarem na perda de peso, são excelentes fontes de nutrientes.

Falamos das sementes que tem o poder de acelerar o metabolismo, queimar gorduras, aliviar o estresse e a ansiedade, entre outros.

Confira os benefícios das sementes, escolha uma ou algumas e as inclua na sua alimentação diária.

Sementes que ajudam no emagrecimento

Sementes de girassol

Se consumidas cruas ajudam no processo de emagrecimento. São ricas em vitamina E, poderoso antioxidante que combate as toxinas e as inflamações. É fonte de magnésio que evita o excesso de liberação de cortisol no organismo, combatendo o estresse.
Rica em proteínas, fibras e vitaminas do complexo B, é importante na queima de calorias; possui ácido oléico, linoleico, esteárico, palmítico e lecitina que ajudam a reduzir o colesterol ruim.

Sementes de abóbora

As mais utilizadas por quem quer emagrecer, as sementes de abóbora possuem mais zinco que todas as outras sementes. O que é fantástico já que o zinco ajuda o corpo a queimar a gordura, enquanto atua diretamente na formação de massa muscular magra. Aumentam a saciedade além de estabilizar os níveis de açúcar no sangue; Contêm ferro e magnésio, que mantêm a saciedade e diminuem a fadiga;

Sementes de cânhamo

As sementes de cânhamo não só ajudam a emagrecer como são ótimas para o cérebro devido o magnésio que relaxa e aumenta a energia. São fontes de ômega-3 e fibras que regulam o açúcar no sangue, enquanto auxiliam o processo digestivo e intestinal. Além disso, são excelentes fontes de ferro, o que aumenta a energia e a força.

Sementes de gergelim

Possuem fibras que ajudam na saciedade e na digestão. Além disso, são ricas em minerais e proteínas, cálcio, magnésio, vitamina E e Zinco. Estas vitaminas quando agem em conjunto aceleram o metabolismo regulando o açúcar no sangue, além de contribuir para a queima de gorduras.

Sementes de linhaça

As sementes de linhaça são ricas em ômega-3, um ácido graxo que ajuda o corpo a queimar gorduras ao mesmo tempo em que equilibra os níveis de insulina; Possui fibras e fitoestrogênios, um estrogênio natural, capaz de manter longe a irritabilidade e a ansiedade que provocam o ganho do peso.

Sementes de quinoa

Estas sementes possuem um alto teor de carboidratos, responsável por promover energia ao organismo. Além disso, elas são fontes de aminoácidos essenciais, fibras, proteínas, magnésio e zinco.
Basta ¼ de xícara de quinoa diariamente, para se beneficiar com a queima de gordura.

Sementes de chia

A chia muito utilizada recentemente no combate ao sobrepeso devido o seu poder de saciedade, também possui ômega 3, fibras solúveis, potássio, magnésio e ferro.

Sementes de mostarda

As sementes de mostarda possuem ômega-3, cálcio, fibras, ferro, fósforo, magnésio, niacina, proteínas, zinco e selênio. Esses elementos em conjunto, aceleram o metabolismo e a produção dos sucos gástricos, que melhoram a digestão.

Trigo em grãos

Ao contrário dos grãos refinados, este preserva o gérmen e o farelo do trigo, possuindo, portanto maior quantidade de fibras, vitaminas e minerais.

Aveia

A aveia possui vitaminas B, cálcio, fósforo, ferro, potássio, magnésio e manganês além de ser fonte de beta-glucana, uma fibra que auxilia na redução e no controle da glicose, ótimo para quem tem diabetes, atuando na redução das taxas de colesterol, protegendo o coração e favorecendo na perda de peso.

Quer contar suas dicas para nós? Deixe um comentário!